Caso de autocervejaria

Um homem de 47 anos “conseguiu” a proeza de ter em seu intestino uma cervejaria biológica.

Isso mesmo, é uma condição rara chamada Síndrome da Autocervejaria (ABS, na sigla em inglês) em que seu intestino fazia com que pudesse fabricar etanol endógeno após uma refeição rica em carboidratos.

Sei que muitos vão achar que seria o homem mais sortudo do mundo mas o que poderia ser muito interessante na verdade ele tinha fungos que como na produção de cerveja, é combinação de carboidratos com fungos (levedura) e levava a níveis elevados de álcool no sangue, sensação de embriaguez, função hepática variavelmente perturbada e outros indicações de intoxicação por etanol.

Ele realmente se sentia embriagado e inclusive exalava o cheiro característico de álcool. Mesmo sem tomar uma gota de bebidas alcoolizadas, era acusada excesso de álcool no sangue ao fazer um teste de bafômetro.

O caso ocorreu na Bélgica em 2016 e seu tratamento consiste no transplante de fezes. A doadora foi a sua filha de 22 anos.

Fonte: Annals of Internal Medicine e Science Alert

Não deixe de comentar abaixo.

Veja outras notícias, clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *